Publicado em Deixe um comentário

Um produto que protege você e a natureza!

A Ekilibre Amazônia se orgulha em entregar a você a sua conexão com a Amazônia e apresenta um produto que é mais do que um protetor solar, ele também atua como um tratamento para sua pele!

Com textura suave, ele é facilmente absorvido. Protege e hidrata a pele dando um acabamento aveludado. Funciona como um primer antes da maquiagem. Não obstrui os poros permitindo que a pele respire livremente. Seu efeito de uniformização se reflete como uma “segunda pele”, mais sedosa, com aparência saudável e radiante.

Além disso, este protetor não causa danos aos mares e rios quando utilizado pelos banhistas.

Nosso protetor solar, agora em nova embalagem,  é dermatologicamente testado, possui FPS 30 e PPD 28.

Visite nosso site e veja todas as novidades: www.ekilibreamazonia.com

Protetor solar FPS 30 e PPD 28
Publicado em Deixe um comentário

A Ekilibre Amazônia cuida da sua beleza com máxima saúde!

A Manteiga de Bacuri é um super hidratante.
Ela é perfeita para cuidar da sua pele em dias frios e ainda trata-se de um excelente estimulante da produção colágeno, mantendo sua pele mais firme e com maior elasticidade. 

Aproveite para visitar nosso site e veja todas as nossas novidades:
 www.ekilibreamazonia.com

Publicado em Deixe um comentário

Experimente o creme capilar da Ekilibre Amazônia!

Este produto foi desenvolvido para devolver a maciez dos seus cabelos de forma completamente natural. Aproveite todos os benefícios das matérias primas que vem direto da Amazônia. Além de ser um excelente finalizador, também funciona como leave in e é um produto perfeito para umectação dos cabelos.

– Modo de uso –
Como umectante capilar: passe quantidade generosa do creme nos cabelos e deixe por algumas horas ou até o dia seguinte, lave e enxague. Repita uma vez por semana.
Como leave in: após a lavagem, derreter ínfima quantidade entre os dedos, esfregar nas mãos e passar nos cabelos. Sem enxague.
Como modelador: aplique nos cabelos secos.

Visite nosso site para mais informações: www.ekilibreamazonia.com

Shampoo de Murumuru e Creme Capilar

Publicado em Deixe um comentário

Natural, orgânica e vegana: conheça a beleza da Ekilibre Amazônia

Instalada em Santarém, no oeste do Pará, a empresa produz cosméticos com insumos amazônicos, livres de metais pesados e sem testes em animais. A empresa é uma das que integram o Programa de Qualificação para Exportação da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (PEIEX/Apex-Brasil), gerenciado no estado do Pará pelo Parque de Ciência e Tecnologia (PCT) Guamá

No laboratório da Ekilibre Amazônia açaí, bacuri, murumuru, andiroba, copaíba, cupuaçu, jambu e outros insumos da biodiversidade amazônica se transformam em sabonetes, manteigas corporais, óleos, shampoos, produtos de higiene bucal e de cuidado para o corpo. Biodegradáveis, veganos, sem testes em animais, livre de corantes, fragrâncias artificiais e compostos sintéticos como parabenos, derivados do petróleo e metais pesados, os produtos da marca atendem a um crescente nicho de mercado – o de beleza natural.

A empresa foi criada em 2011, às margens do rio Tapajós, no distrito de Alter do Chão, em Santarém, após uma longa viagem realizada por seu fundador, Kairós Kanavarro, pelo continente americano. “Enquanto visitava os países das Américas do Norte, Central e Sul observei que, apesar de tanta diversidade, a maioria dos produtos de higiene disponíveis eram produzidos pela mesma holding, com fórmulas iguais, todas contendo nomes ininteligíveis. Quando fui pesquisar me assustei com o fato de serem sintéticos com uma perigosa relação com a saúde e o meio ambiente. Lembro que pensei ‘como alguém pode defender o meio ambiente, cuidar da saúde e beleza se não sabe nem mesmo o que passa no próprio corpo?, Percebi a importância da coerência do discurso e da vida cotidiana e lembrei: ‘preciso ser a mudança que eu desejo para o mundo’. Na maioria das vezes eu olhava pra fora e refletia sobre os meus sonhos de mudanças, a partir do mundo externo. Naquela viagem percebi que a história era mais profunda e pessoal, de dentro pra fora”, conta Kairós.

Produção sustentável e artesanal – A Ekilibre Amazônia utiliza matéria prima e mão de obra locais.  A produção é realizada sem a contaminação do solo, dos lençóis freáticos, dos rios e o sistema de saneamento do laboratório é ecológico. A água negra, efluente resultante da produção, passa por um processo de filtragem e é devolvida em forma de vapor para a atmosfera; a água cinza passa por um filtro natural composto por carvão, pedras, entulho, madeira e folhas, sendo utilizada na irrigação do terreno em que a empresa é sediada.

Contam ainda com um sistema de gerenciamento de seus resíduos sólidos orgânicos: todo material utilizado é armazenado e, após sua compostagem, é usado para enriquecer o solo e as frutíferas da sede.

Sabonetes e shampoos em barra são envoltos em um tecido, com uma folha desidratada, para evitar o uso de embalagens plásticas e estudos são realizados com frequência para diminuir a geração de lixo.

O grande diferencial da Ekilibre é a proximidade que a marca traz entre o seu consumidor e a floresta, pois os produtos são concentrados, puros e de formulação simples. A alta performance dos bioativos da Amazônia são os grandes protagonistas dos resultados observados”, afirma Kairós.

Consumo consciente e o slow beauty – Estudiosos argumentam que, na história recente, houve dois marcos do fenômeno conhecido como aceleração temporal (sensação de estarmos eternamente atrasados no cumprimento de nossas tarefas do dia a dia): o primeiro teve início no século XIX, entre 1880 e 1920, com o advento das máquinas e da industrialização; e o segundo com a revolução digital no final da década de 80 e início da década de 90, também marcada pelo consumo desenfreado de produtos e/ou serviços.

O termo slow surge, portanto, com sentido semântico contrário à aceleração temporal observada em várias áreas da vida social, se traduzindo como uma crítica ao paradigma técnico-industrial. Há o registro do slow foodslow fashionslow science e, no campo da beleza, o slow beauty.

No slow beauty os consumidores evitam usar produtos altamente industrializados, com parabenos e sulfatos, levando em consideração os possíveis efeitos negativos no corpo e o descarte dessas substâncias na natureza. A opção pelo movimento inclui ainda o menor consumo de cosméticos, o uso de refis e produtos com embalagens mais simples, biodegradáveis ou reutilizáveis.

Beleza tipo exportação – Segundo relatório da Grand Review Research, o mercado global orgânico de cuidados pessoais deverá atingir US$ 25,11 bilhões até 2025. A Ecovia Intelligence (antiga Organic Monitor), empresa especializada em pesquisa, consultoria e treinamento que se concentra em indústrias globais de produtos éticos, aponta que o Brasil e toda a região sul-americana tornaram-se uma importante fonte de ingredientes orgânicos, mas a região gera menos de 5% das receitas globais de cosméticos naturais e orgânicos.

Parabenos, petrolatos, sulfatos, silicones, BHA, BHT, formaldeídos, plásticos, PEGs são algumas das substâncias frequentemente encontradas em produtos de higiene e beleza à venda em farmácias e mercados. Liberados no Brasil, parte destes componentes são proibidos em países da Europa e nos Estados Unidos por conta de riscos que representam para a saúde humana. Alguns contêm ativos cancerígenos, desreguladores hormonais e alto potencial alergênico.

Neste contexto, nos últimos 18 meses a Ekilibre Amazônia começou a expandir a sua atuação, se aproximando de mercados como Inglaterra, Portugal, Áustria e Austrália. Estão em negociação avançada para uma primeira exportação direcionada à França.

PEIEX/Apex-Brasil – A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira. O Programa de Qualificação para Exportação é implementado em todas as regiões do país, por meio de instituições de ensino (universidades, parques tecnológicos ou Fundações de Amparo à Pesquisa) ou Federações de Indústria. São os parceiros da Apex-Brasil que aplicam a metodologia do PEIEX na qualificação das empresas.

No Pará, desde 2016 o programa é executado pela Fundação Guamá, organização responsável pela gestão do Parque de Ciência e Tecnologia (PCT) Guamá. Em dezembro de 2018, além da região metropolitana de Belém, o programa passou a atender as cidades de Marabá e Santarém, podendo ser estendido a um raio de até 100 km dos polos. A metodologia foi renovada, sendo direcionada mais para a prática da exportação.

PCT Guamá – Resultante da parceria entre as Universidades Federal do Pará (UFPA) e Federal Rural da Amazônia (UFRA) e o Governo do Pará, o PCT Guamá foi o primeiro e permanece como único parque tecnológico a entrar em operação na Amazônia.

Tem como principal objetivo, estimular a pesquisa aplicada, o empreendedorismo inovador, a prestação de serviços e a transferência de tecnologia para o desenvolvimento de produtos e serviços de maior valor agregado e fortemente competitivos.

Situado entre a UFPA e a UFRA, em uma área de 72 mil metros quadrados, reúne centros e laboratórios tecnológicos, empresas, startups e instituições, iniciativas ligadas principalmente às áreas estratégicas de atuação, que são Biotecnologia; Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC); Energia; Tecnologia Ambiental e Tecnologia Mineral.

Referências

BALOCCO, A.E. Novas Narrativas do Contemporâneo: uma análise crítica do discurso do movimento slow. Linguagem em (Dis)curso, Tubarão, SC, v. 12, n. 2, p. 393-414, maio/ago. 2012

BIZ, Eduardo. A principal tendência da atualidade: entenda a urgência do Lowsumerism. Ponto Eletrênico, disponível em: http://pontoeletronico.me/2015/lowsumerism-entenda/. Acessado em 6 ago. 2019.

MENDONÇA, Estela. Crescimento dos cosméticos naturais, orgânicos, veganos e éticos é tendência irreversível. 2018. Disponível em: https://www.cosmeticinnovation.com.br/crescimento-dos-cosmeticos-naturais-organicos-veganos-e-eticos-e-tendencia-irreversivel/. Acesso em: 6 ago. 2019.

Texto: Juliane Frazão
Fotos: Ekilibre Amazônia

Publicado em

Loja Ekilibre em Alter do Chão é mencionada na revista Plurale

Alter do Chão, no Pará ganha a primeira loja de cosméticos 100% veganos da região

Inaugurada em agosto, a Ekilibre Amazônia conta com uma linha completa de produtos para pele, cabelo e corpo. A empresa não realiza testes em animais e nem utiliza nenhuma substância sintética na composição

Kairós na nova loja Ekilibre

Por Ana Carolina Maia, Especial para Plurale

De Alter do Chão/ Santarém (PA)

Foto de Aldren Galotti / Divulgação

A vila balneária de Alter do Chão, distante aproximadamente 37 km do município de Santarém, oeste do Pará acaba de ganhar a primeira loja de cosméticos 100% veganos da região, a Ekilibre Amazônia. Empresa genuinamente paraense busca na natureza os ingredientes necessários para cuidar da beleza e preservar a floresta. Não realiza testes em animais e não utiliza nenhuma substância sintética na confecção dos produtos. Uma alternativa ecologicamente viável e ao alcance de todos.

A loja física foi inaugurada no mês de agosto e conta com uma variedade produtos que vai desde cuidados com a pele, cabelo, corpo até higiene pessoal A Ekilibre Amazônia surgiu há sete anos em Alter e as vendas eram feitas através do site do site e até hoje continua no ar vendendo para todo o Brasil.

A praia de Alter do Chão foi o local escolhido pelo fundador, Kairos Canavarro, por possuir o maior aquífero do mundo. “Nossos produtos são puros, concentrados, cruelty free e veganos. Quando idealizei a Ekilibre pensei num lugar com água pura e potável e então Alter do Chão preencheu esse requisito”, explica. Logo que marca nasceu, muito antes do rótulo vegano e dos demais produtos Kairos e sua ex-esposa produziam sabonetes artesanais e vendiam na praça de alter. Tudo bonitinho, embaladinho e dentro de uma cestinha de mão: Resultado: “foi um sucesso”, lembra Canavarro.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) o mercado de produtos de beleza natural é o que mais cresce no Brasil e eo consumo no mundo também está aumentando entre 8% e 25% ao ano, acima do crescimento das fórmulas tradicionais, segundo pesquisa do Laboratório de Química da Unesp.

Sabonetes naturais da floresta Ekilibre

Matéria-prima que vem da floresta

Todos os insumos utilizados na fabricação dos cosméticos da Ekilibre vêm da floresta. Os óleos vegetais de buriti, castanha-do-pará, pracaxi, andiroba, copaíba, açaí, manteigas de murumuru, cupuaçu e bacuri são extraídos de produtores que vivem em comunidades ribeirinhas, bem como quilombolas, assentados e cooperativas. Todo o processo de produção é feito de maneira sustentável, rastreável no seio da floresta Amazônica, dos estados do Acre, Rondônia, Pará e Roraima.

Os principais benefícios dos itens produzidos pela Ekilibre Amazônia são: a alta eficácia devido à pureza e às formulações simples, sem adição de substâncias nocivas ao homem e meio ambiente.

O consumidor deve ficar atendo aos rótulos disponíveis no mercado. Nem todo produto orgânico é vegano. Há muitos produtos que se dizem “veganos”, porém utilizam muitos ingredientes sintéticos de baixo custo, acompanhados também de péssima qualidade. “Muitas utilizam o rótulo vegano para atrair clientes, mas não trazem compromisso com qualidade de resultado, meio ambiente e compromisso socioeconômico”, alerta o fundador da Ekilibre Amazônia

Filosofia Slow Beauty

A Ekilibre tem o compromisso fornecer produtos de qualidade da forma mais natural possível sem uso de silicones, chumbos, metais pesados e com resultados garantidos. “Menos é Mais” é o que prega filosofia slow beauty, que nasceu nos Estados Unidos e de uns anos pra cá tem conquistado o publico feminino brasileiro.

A pegada “slow beauty” é diminuir o uso de cosméticos industrializados e dar mais atenção à procedência dos produtos (se é ecologicamente viável, não agride o meio ambiente, etc) e incluir bem estar e saúde na rotina de cuidados com a pele.

O embaixador da Ekilbre Amazônia defende o estilo de vida proposto pelo movimento slow beauty e incentiva o consumo consciente. Afinal cuidar da beleza, querer minimizar os impactos da idade na pele e no corpo, reparar algumas imperfeições é algo natural, não deve ser uma guerra contra os sinais (naturais) do tempo. “Temos que diminuir o tamanho da nécessaire, menos é mais. Menos lixo resíduos despejados nas águas, menos embalagens”, sugere Kairos Canavarro.

A professora universitária Juliana Martins é adepta do veganismo e um dos motivos para que ela aderisse à filosofia é pelo fato de que os produtos naturais não sacrificam animais, isso foi um fator determinante para que ela abandonasse os cosméticos tradicionais. “Para mim sempre foi uma prioridade optar por usar produtos de empresas cruelty free. Os animais são seres vivos, sentem dor, passam frio, fome sede”, explica.

Outro ponto levantado pela professora diz respeito ao impacto ambiental que a indústria cosmética gera, contamina e desperdiça água, despeja na natureza milhões de produtos tóxicos. “A química por trás da beleza não gera benefício algum. Não vale a pena trocar a saúde do planeta em prol de milhões de produtos com substâncias nocivas. A gente pode ter todo arsenal de cosméticos a partir de uma linha de produção vegana, é sustentável, ético e de baixíssimo impacto ambiental”, pondera Martins.

Produtos

Agora vem a parte boa. A Ekilibre Amazònia oferece uma linha completa de cosméticos com as mais variadas funções e eficácia comprovada. Tem protetor solar zero sintético, demaquilante de maracujá, óleo vegetal de pracaxi que ajuda no tratamento contra as estrias, óleo vegetal de andiroba que funciona como uma vitamina para o cabelo e rosto, clareador cutâneo de cupuaçu, sabonetes artesanais de urucum, cravo e canela, creme dental sem flúor, desodorantes, colônias e muito mais.

A loja está localizada na vila balneária de Alter do Chão, na rua Turiano Meira 466. Quem não mora em Santarém e tem interesse em adquirir os produtos e conhecer melhor a marca, basta acessar o site www.ekilibreamazonia.com ou seguir a página da Ekilibre no instagram: @ekilibreamazonia

Publicado em

A Ekilibre Amazônia esteve na feira Caminho Natural

A Ekilibre Amazônia fará parte do @caminhonaturalevento que é o novo projeto criado pelo Bazar da Praça, com economia criativa, marcas artesanais e organização de eventos a um estilo de vida que vem fazendo cada dia mais sentido para a sociedade.


A responsabilidade pela mudança também vem de cada um, daquilo que praticamos em casa, com a família, com os amigos, nas relações de trabalho. E o evento traz essas iniciativas.
O Caminho Natural terá, além de produtos, um cronograma muito especial com Vivências, Palestras e Oficinas, com profissionais excelentes.

Casa Panamericana – São Paulo, SP 14 de setembro de 2019, 10h – 15 de setembro de 2019, 20h

Publicado em

Já conhece o poderoso Creme Facial Noturno da Ekilibre Amazônia?


Feito apenas com 03 frutas. Eficaz para linhas de expressão e elasticidade da pele. Renova, rejuvenesce, ilumina e revitaliza. Elimina olheiras, bigode chinês e clareia manchas da pele. Os trabalhadores que manuseiam a manteiga de cupuaçu precisam usar luvas para evitar que suas mãos fiquem inteiramente brancas. Ingredientes: manteiga virgem de cupuaçu, óleo de semente de maracujá, manteiga de ucuúba e óleo essencial de laranja. Uso: passar pequena quantidade, à noite, com a pele limpa. Uso: à noite, pegue ínfima porção, esfregue nos dedos e passe no rosto com movimentos ascendentes.

Publicado em

Essas colônias são feitas para deixar você com um delicioso perfume e cheio de bem estar

Esse produto foi desenvolvido para quem gosta de andar perfumado por aí, espalhando bons ares, literalmente. E possui a vantagem de não conter chumbo em sua formulação.

É aromaterapia para carregar no bolso ou na bolsa e utilizar a qualquer momento.  Uso: a qualquer hora, quantas vezes quiser, no punho, nas têmporas, na ponta do nariz, no antebraço.

São as seguintes:

1.Magia: Contém óleo essencial de litsea cubeba.  Exótico, levemente cítrico. Para melhorar o estado de ansiedade. Ela é considerada um dos principais aromas para a espiritualidade. Óleo vegetal extra virgem puro com óleo essencial de  litsea cubeba

2.Ekilíbrio: Contém óleo essencial de lavanda, que é relaxante e indicado para insônia. A lavanda é apreciada por sua qualidade antisséptica.  É um dos óleos essenciais mais conhecidos na aromaterapia e usados para fins curativos desde muito tempo. Óleo vegetal extra virgem puro com óleo essencial de lavanda

3.Força: Contém óleo essencial de Menta verde que trata a indigestão, problemas respiratórios, dores de cabeça, náuseas, febre, espasmos do estômago e intestino.
Óleo vegetal extra virgem puro com óleo essencial de menta verde

São deliciosas!

* Biodegradável . Vegano . 0% Sintético

   Cruelty-free . Slowbeauty . Animal-friendly